Fake News sobre endividamento da Petrobras é a desculpa para privatizá-la

Fake News sobre endividamento da Petrobras é a desculpa para privatizá-laContar mentiras para atingir interesses. Essa tem sido a prática mais comum no governo Jair Bolsonaro. E quando se trata de contemplar o mercado internacional e defender o lucro dos aliados a mentira não tem limites.

Fake News é mentira. Em se tratando de empresas como a Petrobras, uma das mais lucrativas do país, somente mentindo é possível convencer uma parte da população de que seria um “mau negócio” manter pública uma empresa de combustíveis.

Desde sua fundação que a Petrobras convive com as “fake news”. Em 1953, comentando o discurso do Presidente Getúlio Vargas na cerimônia em que sancionou a Lei Nº 2004, que criou a estatal, veículos tradicionais afirmaram que a criação da Petrobras traria sérias dificuldades econômicas e não resolveria o problema da falta de petróleo.

Décadas se passaram e a Petrobras colocou o Brasil no caminho da autossuficiência de petróleo (ao menos até 2016) e trouxe gigantescos benefícios à economia, liderando o setor de óleo e gás que em 2014 foi responsável por 13% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro.

Nada como o tempo para desmontar uma mentira.

 

O mito da Petrobras quebrada

A narrativa de que a Petrobras está endividada, quebrada, dando prejuízo não corresponde à realidade. Sendo a maior e mais importante empresa do país, a estatal sempre esteve muito longe de qualquer risco de falência. Aliás, pelo contrário.

A empresa é grande geradora de caixa. Entre 2012 e 2017, a geração se manteve estável entre 25 e US$ 27 bilhões por ano. Também neste período manteve enormes reservas em caixa, entre 13,5 e US$ 25 bilhões, superiores às multinacionais estrangeiras.

Em 2019 a Petrobras fechou com o melhor desempenho de sua história, um lucro de R$ 40,1 bilhões, apresentando queda somente 2020, tanto por reflexos da pandemia de Covid-19, que derrubou o consumo mundial do petróleo, como pela intensificação do fatiamento da empresa, que tende a enfraquecê-la rapidamente.

 

De onde vem esses mitos?

O mito da Petrobrás quebrada é alimentado pela lenda do endividamento ameaçador. O endividamento teria sido por causa da corrupção e por maus investimentos e, por isso, iria quebrar a empresa. Só que nada disso se confirma na realidade.

A dívida da Petrobrás é proporcional às reservas em desenvolvimento do Pré-sal e aos investimentos de mais de US$ 250 bilhões, de 2009 a 2014, justamente para exploração dessa riqueza. Como qualquer grande empresa, a Petrobras fez robustos investimentos em novas tecnologias (que não existiam), equipamentos, navios-sonda e muitas outras inovações que depois passaram a trazer benefícios ainda maior, e que devem ser muito duradouros (a não ser que o governo continue entregando essas riquezas).

Estima-se que o Pré-sal possa render até US$ 10 trilhões de lucro para a Petrobras nas próximas décadas.

Portanto, essas dívidas são perfeitamente administráveis pela companhia, já que ela cresceu tanto na produção como na geração operacional de caixa.

A lenda da origem do endividamento da empresa alimenta o mito da Petrobrás quebrada, espalhado por aqueles que têm como objetivo a privatização da estatal.

Dizer que a Petrobras dá prejuízo, está quebrada e que a solução é vendê-la, só interessa a quem está pretende se apropriar dos imensos recursos e lucratividade que ela gera.

São recursos que pertencem ao nosso país, não a pequenos grupos de poderosos, nem mesmo a grandes conglomerados internacionais, cujos interesses não são os mesmos dos brasileiros.

Se a Petrobras fosse essa “bucha” toda, como o governo tenta nos convencer através de fake news, não haveria tantos interessados em sabotá-la para depois comprá-la mais barato, não é mesmo?

 

Compartilhe a nossa campanha no Facebook

Siga-nos no Instagram

Passado, Presente e Futuro: A Petrobras é tudo isso e muito mais

A população concorda que a Petrobras deve controlar preços de combustíveis e gás de cozinha
A população concorda que a Petrobras deve controlar preços de combustíveis e gás de cozinha
Houve um tempo em que a Petrobras atuava para impedir o aumento de preços dos combustíveis. Você se lembra disso?Grande parte da velha mídia e de setores que não eram...
Desintegração da Petrobras precisa ser revertida antes que empresa se apequene
Desintegração da Petrobras precisa ser revertida antes que empresa se apequene
A desintegração da Petrobras que está em andamento traz gigantescos riscos para a economia e para o Brasil. Deixá-la presa a apenas um segmento dentro da indústria petrolífera – extração...
Petrobras na pandemia: tecnologia e compromisso para salvar vidas
Petrobras na pandemia: tecnologia e compromisso para salvar vidas
Enquanto alguns ignoravam a força quase devastadora da pandemia do novo Coronavírus, que resultou na perda de mais de 1,5 milhão de vidas em menos de um ano e de...